segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

HOJE FOI O DIA.

Voltei a correr.

E passados sete meses e meio do nascimento meu filho, voltei a correr. Saí a horas do trabalho e, antes de o ir buscar à creche, corri 25 minutos. E soube-me pela vida, senti-me viva.
Caramba, a sensação de voltar a vestir as meias de compressão, de calçar os ténis e colocar os auscultadores aumentou-me a adrenalina. As expectativas para este primeiro dia eram reduzidas, já que estive tanto tempo parada - durante o tempo de gestação nunca corri - mas fiquei muito contente comigo mesma. A pouco e pouco isto vai, ai se vai! Ou vai ou racha!!
Chega de me lamentar! O dia 29 de Fevereiro ficará para a história como o dia em que bati na mesa e disse basta. Vou correr atrás da minha auto-estima e de um corpo que me satisfaça minimamente.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

QUERIDO, MUDEI DE CASA #10

Regra Número 1 antes de comprar casa:
Verificar o espaço envolvente e fazer uma avaliação pormenorizada dos animais rastejantes.

Socorro, aqui as aranhas são ao metro e as lesmas ao quilo.

Isto de ter um olival nas traseiras tem muito que se lhe diga...

sábado, 13 de fevereiro de 2016

ISTO DE SER MÃE #11

Se há coisa que me tira do sério são as comparações! Mas eu por acaso ando a comparar-me a alguém? Alguém me vê dizer que tenho 28 anos e que tenho uma vida muito melhor do que muitos de 40? Então por que raio as pessoas próximas de mim me hão-de fazer isso? Parem de comparar o meu filho com o filho da Maria das Dores. E porque fez 7 meses e não tem dentes, e porque fez 7 meses e não se senta sozinho por mais de 1 minuto, e porque fez 7 meses e não lava a loiça do pequeno-almoço, oh valha-me Santíssima Trindade que não há pachorra para tal coisa!

Cada criança é única! Nem os irmãos são iguais quanto mais... A sério fico mesmo possessa com este tipo de pressões!

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

VAMOS FALAR DE COLCHÕES? #2

Habemus colchão! Sempre optei por comprar o tal colchão viscoelástico baratucho do site de descontos. Obrigada pelos vossos comentários no post anterior.

Depois logo vos dou o feedback! 
Figuinhas!

Embora eu acredite que cansada como ando, até um de pau me serviria...

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

ISTO DE SER MÃE #10

Ora quando se tem uma filha a caminho dos 17 anos é isto que se espera portanto:




Que corpaço!
Se vos agrada ou não isso é discutível, agora que demonstra muito trabalhinho, disso ninguém duvida! 

Parabéns Ana Malhoa, foi uma pena teres nascido em Portugal.
Tinhas tudo para ser um ícone mundial se fosses de outra nacionalidade.